Sexta-feira, 19 de Março de 2010

Capitulo 37 - (P.V. Kellan & P.V. Robert [Especial & Traduzido] + P.V. Sara & P.V. Ângela)

 

P.V. Robert [Especial & Traduzido]

- Então… - Começou por dizer. – Ei filho levanta-te da cadeira e vai ajudar a tua namorada!! - Ordenou-me ao que eu obedeci… Levantei-me, apontei a web para a minha cama e fui para lá. – Oiçam, mudar uma fralda é muito simples…
- Ou não… - Comentei.
- Cala-te Cláudia, e aprende!! Qualquer dia sai-te um bebé assim na rifa… - Provocou-me a Lizzy ao que eu lhe fiz uma careta.
Seguindo as instruções da minha mãe despimos as calcinhas azuis do bebé e seguidamente desapertamos-lhe o body puxando-o para cima para que não se sujasse.
- Deixa-me fazer isso por favor amor… quero mudar uma fralda. – Confessei ao que as 3 mulheres da minha vida me zumbaram.
- Está bem, está bem… - Concordou ainda a rir Ângela dando-me espaço.
Posicionei-me à frente do bebé, enchi o peito de ar e preparei-me para o “pior”. Desapertei ambas as abas da pequenina fraldinha entusiasmado, baixei-lhe a fralda e limpei-lhe o rabinho delicadamente.
A Ângela fitava-me embevecida, a minha mãe continuava a dar-me indicações e a minha irmã, desistindo de me gozar, foi-se deitar.
- Filho, agora levantas o bebé pelos calcanhares… ah!! Com um dedo entre eles e pões-lhe a fralda por baixo com a borda de cima na cintura… - Indicou-me a minha mãe e eu assim o fiz calmamente.
Preparava-me para fechar a fralda quando a minha menina me impediu:
- Espera amor! Verifica se o bebé tem o pénis para baixo! – Alertou-me ao que eu a fitei evitando rir.
- Muito entendida sim senhora… - Provoquei-a perversamente.
- Mau… - Ameaçou-me ao que a minha mãe a apoiou e apressou-me.
Verifiquei então posição do pénis e coloquei-o para baixo.
- Agora já podes fechar a fraldinha filho… Lembra-te que tens de deixar uma folga de um dedo. – Avisou-me a minha mãe ao que eu conclui o serviço.
- Ufa!! Ainda dizias tu que era fácil mãe! – Queixei-me (orgulhoso de mim mesmo) enquanto apertava o body ao bebé e lhe vestia as calcinhas. De seguida peguei-o ao colo e fui para junto da web com ele enquanto a Ângela arrumava o “estaminé”.
- Parabéns filho! Safaste-te bem! – Felicitou-me. – Bem agora se não se importam tenho de me ir deitar… aqui já é tardíssimo! – Queixou-se. – Quero ver-vos em Londres aos 2 em breve! Beijinhos de toda a família. Ângela foi um prazer querida, filho eu amo-te.
E dito isto desligou.
- Amor… - Abraçou-me por trás a minha menina. – Anda, vamos adormecer o Daniel para a minha suite que ele está com soninho…
Assenti com a cabeça, desliguei o pc e levantei-me dando um beijinho nos doces lábios da minha Ângela e seguimos então os 3 para a sua suite.
 
P.V. Sara
 
O Kellan estava a começar a enervar-me com a sua atitude infantil. Era impressionante como ela se esfregava nele, porém ele mesmo assim dava-lhe desdém. Estava completamente bêbado, e isso era notório. Farta, comecei a andar em passos largos para o WC deixando o Jamie com cara de parvo a fitar-me enquanto eu caminhava... A casa de banho estava deserta...
- "Óptimo!" - Pensei.
Parei em frente ao espelho a observar-me... Arranjei o cabelo, refresquei a cara, lavei as mãos e soltando um urro de raiva bati com o punho no lavatório.
De seguida saí e passei pela confusão de raparigas que se preparava para entrar no WC... foi então que fui puxada por alguém contra a parede...
- Ei!!! - Gritei danada.
Foi então que olhei para a cara do individuo... KELLAN!
-“Oh, fuck Kellan, you scared me!!” (Oh, merda Kellan, assustaste-me !!) -Reclamei respirando de alivio.
Porém ele prendeu-me os pulsos e chegou os seus lábios aos meus, ao que rapidamente eu o afastei...
-“Kellan!!! We are not alone!! Let's go home ok? I'm tired... And you are drunk!!” (Kellan!! Não estamos sozinhos!! Vamos para casa ok? Estou cansada... e tu estás bêbado!!)
Aos tropeços lá consegui alcançar a Alice que por sua vez me ajudou a transportar o Kellan para a limusina. Foi difícil controlar o Kellan durante a viagem: ou se punha em cima de mim tentando fazer "outras coisas" ou tentava pegar nas garrafas de bebidas alcoólicas disponíveis... eu só pensava em pô-lo na banheira, debaixo de água fria, porém sabia que não era capaz e que isso iria acabar noutras coisas...
Finalmente chegámos... mas o "espectáculo" mal estava a começar...
- ÓH NÃO!! - Proferi de desespero: uma legião de fãs + paparazzis tinha "acampado" (e não estou a exagerar) em frente ao hotel.
-“Kellan now please concentrate!!! There's millions of fans and paparazzis and you have to look normal, ok?” (Kellan agora por favor concentra!!! Estão lá fora milhares de fãs e paparazzis e tu tens que parecer normal, ok?) -Tentei explicar-lhe segurando-lhe no rosto com as duas mãos...
Ao que ele (again) me respondia mandando beijos... dei-lhe um estalo ao que ele saiu do seu estado "zen" e me deu atenção.
 -“Kellan now please concentrate!!” (Kellan agora por favor concentra!!) - Chamei-o de novo à atenção ao que ele assentiu.
Saímos da limusina acenando... normalmente... e entrámos no hotel rapidamente subindo no elevador.
- Hum que silêncio... – Constatou admirada a Alice já perto da porta da nossa suite enquanto eu abria a porta da suite do Kellan e o punha na casa de banho. Preparava-me para sair quando ele me agarrou.
-“Kiss me...” (Beija-me...) - Implorou-me.
Tentei ser dura e resistir porém isso foi-me impossibilitado e entreguei-me à tentação.
Depois saí e fui ter com Alice para abrir a porta do nosso quarto.
- Já deixei o Kellan na casa de banho...ele está demais!! -Comentei abrindo a porta e espreitando no escuro...
- Eu reparei! - Concordou a Alice rindo baixinho e acendendo a luz.
Assim que a luz se acendeu vimos aquilo que parecia ser uma família "feliz e perfeita": o pai (Rob), a mãe (Ângela) e o filhote (Daniel)! Era bom que assim o fosse... E acredito que no futuro assim o seja!
- Portaram-se bem, heim? - Comentou Alice alegremente dirigindo-se à cama da Ângela e pegando no filho que dormia calmamente.
Os dois acordaram sonolentos ofuscados pela luz...
- Tchiii cunhadinha, desliga a luz!! - Reclamava a Ângela tapando a cara contra o peito do Robert.
-“Come on Sarocas, turn off!” (Vá lá Sarocas, desliga!) - Reclamou por sua vez o Robert.
Soltei um risinho, acendi o candeeiro da mesinha de cabeceira e acedi ao pedido deles desligando a luz de cima.
-“Ok, it's done... But Pattinson you have to go to your room!” (Ok, está feito...Mas Pattinson tens que ir para o teu quarto!) -Relembrei baixinho para que o Daniel não acordasse.
-“Ohh, no...” (Ohh, não...) - Contestou aninhando-se na Ângela.
-“No, no, no! Robert I don't want mens in my room!” (Não, não, não! Robert eu não quero homens no meu quarto!) - Reclamou a Alice puxando o Robert da cama.
Este arrastou-se para fora do quarto... Eram 4:00H da manha em ponto quando acabei de tomar o meu duche e me enfiei debaixo dos lençóis totalmente estafada...
Preparava-me para dormir quando oiço o telemóvel da Ângela tocar...
Seguidamente toca o meu… Era o Kellan que dizia:
"Babe, vem ter comigo. Estou na cama junto da porta, está encostada! Tu prometeste que me compensavas :P Fico à espera..."
Estava demasiado cansada para me levantar novamente, porém senti a Ângela a levantar-se sorrateiramente e deduzi que fosse ter com o Robert... Levantei-me então também e segui-a em pezinhos de formiga saindo do quarto.
Espreitei para ambos os lados para ter a certeza de que ninguém me via a entrar no quarto dos rapazes e após confirmar dei uma corridinha e entrei. Fechei a porta e aos "apalpões" à mobília lá encontrei a dita cama do meu Kellan.
Abri uma pontinha dos lençóis e deitei-me. O Kellan estava de costas... demasiado sossegado! Abracei-me a ele... cheirava a álcool...
-“Are you sleeping?” (Estás a dormir?) - Perguntei sussurrando enquanto colocava a mão dentro dos seus boxers.
-“WHAT A FUCK IS GOING ON?!!?!” (MAS QUE MERDA VEM A SER ESTA!?!?!) - Gritou o ...
-KELLAN ?????!!!!! -Exclamei desnorteada acendendo a luz do candeeiro...
-“ARE YOU KIDDING ME SARA!?” (ESTÁS A GOZAR COMIGO SARA!?) - Gritava danado saindo do WC e acendendo a luz de cima...
O Robert e começou a barafustar por causa da luz agarrado à Ângela, mas apenas se ouviam os gritos do Kellan de danado.
-“Hey babe...” (Ei amor...) - Começou a abusar o Jamie (OMK!!!) abraçando-me e tentando-me beijar ao que eu lhe preguei um estalo na cara e saí da cama.
-“But... wtf are you doing here Jamie?” (Mas... o que raio estás aqui a fazer Jamie?) - Perguntei parva da vida. –“And Kellan you said to me that your bed was that...” (E Kellan tu disseste-me que a tua cama era esta...) -Tentei esclarecer.
-“I ONLY WENT TO WC!!!!” (Eu apenas fui à WC!!!!) - Gritou de novo o Kellan.
Foi então que vi a porta da suite a abrir-se e a entrar "montes" de gente: o cast!
Estavam presentes então: O Peter, a Alice, a Kristen, a Dakota, o Taylor (...) e muitos mais que sinceramente nem consegui ver.
Eu, com t-shirt e calções de dormir, tinha uma cama desfeita ao meu lado com o Jamie em boxers em cima dela e o Kellan em boxers à minha frente... A Ângela e o Rob também em roupa de dormir ao lado do Jamie e o cast quase TODO de Breaking Dawn em pijama junto da porta...
-“What happened?” (Que aconteceu?) -Perguntou o Peter.
-“Obviously is not a pajama party!!” (Obviamente não é uma festa do pijama!!) -Comentou Kristen
-“Shut up!” (Cala-te!) - Ordenou-lhe a Ângela... – “Peter, I think this is all a misunderstanding...” (Peter, eu acho que tudo isto é um mal entendido...).
O Kellan estava agora virado para a parede a tentar acalmar-se, e eu a controlar-me para não desatar a chorar...
A Kristen, já "contentinha" começou a desatinar com a Ângela, acusando-me de cabra por andar na cama com dois ao mesmo tempo.
Foi então que algo que eu não esperava aconteceu...
 
P.V. Ângela
 
-"EXCUSE ME?!" (DESCULPA?!) - Perguntei exaltada à Kristen face ao que ela me acabara de dizer.
-“Yes!! You're friend is a B-I-T-C-H!!! Sex with Kellan... Sex with Ja...” (Sim!! A tua amiga é uma V-A-C-A!!! Sexo com o Kellan... Sexo com o Ja...) - Voltou a repetir e um ataque de raiva invadiu-me! Não a deixei acabar a frase e com toda a força dei-lhe um estalo na cara.
Todos os presentes abriram a boca o máximo que conseguiram! Ela rugiu e preparava-se para me saltar para cima quando foi agarrada pelo Peter e pela Dakota.
-“DROP ME!!” (LARGUEM-ME!!) - Gritava a Kristen enraivecida dando safanões para se soltar da Dakota e do Peter.
-“That was to teach you a lesson BITCH!!! NOBODY speaks of my friends!” (Essa foi para tu aprenderes VACA! NINGUÉM fala dos meus amigos!) - Avisei-a olhando-a.
O Peter ordenou à Dakota que a levasse para o quarto e ela assim o fez... Olhei para a Sara que se encontrava sem reacção encostada à parede. Coberta de lágrimas no olhos e a fitar o Kellan. Este, porém, mantinha-se na mesma posição rígida, não se movera um milímetro... Achei melhor dar-lhes espaço e antes de dizer algo já Alice se tinha adiantado e mandado todos para fora...
Agarrei no Robert e saímos também...
-“Are you okay?” (Estás bem?) - Perguntou-me o Robert no hall fitando-me.
-“Yes, I am...” (Sim, estou...) - Assegurei-lhe.
Ele abraçou-me com força e sussurrou-me:
-“Take it easy, she deserved... it has passed honey.” (Tem calma, ela mereceu... já passou querida.)
Aninhei-me mais a ele como que pedindo conforto quando alguém nos interrompeu...
-“Excuse me, but we are in Ashley suite and we want you go there too.” (Desculpem, mas nós estamos na suite da Ashley e queremos vocês lá também.) - Pediu-nos o Peter.
-“Ok, we go...” (Ok, nós vamos...) -Respondeu de imediato o meu Robert
-“For what?” (Para que?) -Perguntei confusa
-“Just to speak...” (Apenas para falar...) – Informou-nos o Peter enquanto caminhávamos pelo largo e deserto corredor do Hotel. A suite da Ashley não era muito longe das nossas e por isso rapidamente a encontrámos. O quarto estava lotado de pessoas, todas elas conversando umas com as outras num tom acima do normal, entrámos ao que todos me fitaram.
-Céusss!!! Ângela, como está!? - Dirigiu-se a mim a Alice num tom de preocupação.
-Estou bem... - Respondi.
-Que bofetão moça!!! Onde você aprendeu a fazer aquilo!? - Zumbava a Alice.
-“Come on Alice, the chat is for everyone... what has just happened is very serious!” (Vá lá Alice, a conversa é para todos... o que acabou de se passar é muito grave!) - Começou por dizer calmamente a Elisabeth.
Sentei-me ao lado da Alice e da Ashley e o Robert colocou-se de pé ao meu lado.
-“So tell us Angela! What was Sara doing in Kellan’s bed?! With Jamie?!” -Perguntaram...
-“Well, I don't know what Jamie was doing there... But Sara was because... hum I can't say!!” (Bem, eu não sei o que o Jamie estava lá a fazer... Mas a Sara estava porque... Hum eu não posso dizer!!) – Cortei-me desviando o olhar de todos.
-“And you were there when it happends? Or you had come then?” (E tu estavas lá quando isso aconteceu? Ou chegaste depois?) – Perguntou-me a Nikki.
-“You know what time is it? 4:15 a.m. !! And you know that we start shoot at 7:30 a.m.?! I don't think you now, otherwise you don't stay here awaked... and making noise...” (Vocês sabem que horas são?! 4:15 da manha!! E sabem que começamos a filmar às 7:30 ?! È que eu acho que vocês não sabem, caso contrário, não estariam aqui acordados... e a fazer barulho...) - Repreendeu-nos Catherine Hardwicke juntamente com Chris Weitz e David Slade...
-“Sorry, but it's important!” (Desculpa, mas é importante!) - Desculpou-se o Peter.
-“I'm just asking for silence! If you don't want to sleep then let us sleep! are you cleared?! Good Night...” (Só estou a pedir silencio! Se não querem dormir então deixem-nos dormir a nós! Estamos entendidos?! Boa noite...) E dito isto fechou a porta do quarto!
Encenei um bocejo e levantei-me:
-“If you don't mind, I go sleep!” (Se não se importam, eu vou dormir!)
-“Ohh come on Angela?! We want to know more things...” (Ohh então Angela?! Nós queremos saber mais coisas...) - Reclamaram desiludidos.
-“Today, no! Please, I'm tired!” (Hoje não! Por favor, estou cansada!) - Disfarcei olhando para Robert.
-“Leave her... I go to sleep too.” (Deixem-na... eu vou dormir também.) - Começou-me o Robert a puxar para a porta da suite.
 
P.V. Kellan [Especial & Traduzido]
 
O que eu sentia neste momento?? RAIVA, ÓDIO, FÙRIA, mais raiva mais ódio e mais fúria!!! Seria possível aquilo que eu acabara de ver?! Haveria alguma explicação no mínimo aceitável?! Bom, se houvesse eu não estava em condições para a ouvir agora...
Ouvi a minha bebé a chorar, movi apenas os olhos na sua direcção... estava sentada no chão encostada à parede. Depois olhei para o Jamie: este estava ainda deitado e com uma enorme...
- "AI NÃO!!!!" - Pensei ainda pior.
Depois não medi os meus actos e dirigi-me a ele, levantei-o no ar mandando-o depois contra o chão.
A Sara levantou-se num sobressalto e agarrou-me para que não fizesse mais asneiras, o que foi inútil pois eu afastei-a cuidadosamente e agarrei de novo no Jamie para lhe dar um soco.
Foi então que pela porta do quarto entrou o Robert de rompante que chegou mesmo a tempo de evitar que lhe desse o murro.
- Então meu!? - Perguntou-me encostando-me à parede.
- Larga-me Patzz, eu não te quero magoar por isso larga-me!! -Alertei descontrolado.
- Não, não vou largar! Pára quieto!! - Voltou a insistir.
- Estás doido ou quê?! Que se passou contigo? -Perguntava o Jamie no chão a queixar-se da cabeça
- TU CALA-TE PAH!!! - Tentei soltar-me do Robert.
- Levem-no daqui! - Ordenou-lhes o Robert ao que a Ângela obedeceu... Depois voltou para dentro e trancou a porta para que eu não saísse.
Soltou-me então. Bati com o punho na parede e sentei-me em cima da cama. Fiz sinal ao Robert para que nos deixasse sozinhos e ele assim o fez, levando a Ângela com ele...
A Sara começou por me fitar, sentando-se no lado oposto do quarto.
- Não tens nada para me dizer? -Perguntei friamente
- Não tive culpa... apenas fiz o que me pediste: vim ter contigo e deitei-me na tua cama. - Afirmou pausadamente, limpando as lágrimas.
- Pois, na minha cama mas era COMIGO!! Não com o JAMIE!! – Gritei descontrolado.
- Tenho lá culpa que tenhas saído de lá!! - Levantou-me também a voz.
- Ai agora o culpado sou seu? Não fui eu que me deitei na cama da minha miúda com outra... – Ironizei.
- Epah! Tu KELLAN é que saíste da TUA cama e eu deitei-me lá a pensar que eras TU! Mas okay, eu não estou para discutir, vou-me deitar... - Avisou-me preparando-se para sair do quarto.
-Sim, porque eu até sou muito parecido com o Jamie... Vai!! A conversa não te agrada é? -Desabafei possesso.
Foi então que ela voltou atrás e me deixou um estalo na face.
- Não voltes a duvidar da minha palavra! - Avisou-me. -Ou também achas que sou uma vaca?!
 
P.V. Sara
 
Entrei na nossa suite de rompante e sem me lembrar do bebé voltei a bater com a porta.
- Então? -Perguntou a Ângela vendo-me naquele estado lastimável...
Abanei a cabeça e entrei na casa de banho, trancando-me.
Sentei-me na borda da banheira e não aguentando desatei a chorar compulsivamente... chorei, chorei e chorei mais um pouco... ouvi baterem à porta da casa de banho, não liguei... ignorei.
Estava desfeita interiormente como teria sido ele capaz de insinuar tal coisa?!
Naquele instante o meu telemóvel tocou... Era uma mensagem do Kellan! Atirei, com toda a força, o telemóvel contra a porta da casa de banho. Não tencionava falar com ele nos próximos... Sei lá... Séculos? Humm sim, séculos era bom!!
Mais lágrimas de raiva inundaram-me os olhos... ele tinha uma lata!! Bateram à porta novamente.
- Quem é!? DEIXEM-ME! - Perguntei queixando-me.
- Sou eu cunhadinha, abre! - Suplicou-me a Ângela.
- Não me chames cunhadinha!!! Não agora!!! - Pedi também.
- Deixo de chamar quando me abrires esta porta!! -Chantageou batendo com mais força... Cedi e fui-lhe abrir a porta:
- Porque está o teu telemóvel desmontado no chão? -Perguntou-me ao entrar cuidadosamente para não pisar nas "peças" do meu telemóvel.
Encolhi os ombros e deixei-me cair novamente sobre a borda da banheira.
- Óh béé... - Sentou-se ao meu lado abraçando-me. - Não estejas assim amor...
Abracei-me também a ela com força. Estava sem vontade de falar, apenas fiquei assim, agarrada a ela, a chorar e a ser mimada! Sabia bem, e naquele momento era o que eu mais precisava...
- Ei amor! - Proferiu limpando-me as lágrimas. - Vamos deitar-nos, amanhã temos de nos levantar cedo e tu precisas de descansar... Sabes que seja lá o que se tenha passado se vai resolver bé.
Não estava com vontade nenhuma de me enfiar numa cama, sabia que não ia conseguir dormir, o que significava que iria passar a noite toda a soluçar e pensar no sucedido. Mesmo assim acenei com a cabeça. Ângela deu-me um beijinho na bochecha e saiu da casa de banho, dando-me privacidade. Lavei então a cara e escovei os dentes, apanhei os bocadinhos do telemóvel do chão e sai também. Sussurrei uma boa noite à Alice e à Ângela e meti-me dentro dos lençóis.
 
P.V. Robert [Especial & Traduzido]
 
Estava eu a meio de um belo sonho quando o raio do despertador tocou...
- Só podem estar a gozar... - Murmurei virando-me para o outro lado tentando adormecer de novo. Ouvi o Kellan também murmurar e estava a "ver" o meu sonho a voltar quando, pelo meu quarto, irromperam os directores.
- ACORDAR, ACORDAR!!! - Gritou Catherine destapando-me.
- EI EI!! - Reclamei envergonhado tapando-me de novo (dado que estava de boxers).
- Não quero saber é para... OMD!!! - Proferiu ao destapar Kellan que se encontrava nu como sempre dorme.
- Ei, já não há privacidade?! Que é isto?! -Reclamou levantando-se de rompante e embrulhando-se no lençol! Catherine olhou parva para ele tentando perceber a sua má disposição… Em dias normais ele teria apenas feito uma piada sobre ela que envolvesse o seu “instrumento” e continuava sem problemas nu.
- Peço desculpa! - Desculpou-se Catherine retirando-se do quarto.
- Bom dia Kellan! - Cumprimentei-o.
- Bom dia!? Só se for para ti! – Respondeu torto.
- Por acaso até que nem é mau... Mas vá rapaz anima-te! - Pedi-lhe levantando-me da cama e levando a roupa para o wc..
- Ei também me quero despachar!!! - Reclamou mal-humorado.
- Calmex!! Já pensaste que por acaso ela pode não ser a culpada no meio desta história? -Perguntei tentando resolver a situação.
- Ai não!? Então quem é o culpado hum!? O cão da vizinhaa!? - Começou a elevar a voz.
- Abre os olhos homem, e pensa um bocado!! Ela estava na tua cama como mandas-te certo?? – Chamei-o à atenção.
-Hum, hum… – Confirmou.
-E então posso saber onde tu estavas?! Para não estares lá com ela... – Tentei entendê-lo.
-Eu estava no W.C. ok? Já estava a ir quando os vejo todos entretidos debaixo dos lençóis na MINHA CAMA!!!!! NA MINHA CAMA ROBERT!!!! – Gritou amargamente.
-Ela julgava que eras tu quem lá estava!!! - Insisti.
Ele ficou pensativo, e quando me preparava para entrar no WC ele perguntou-me:
- Fui um estúpido não fui?
- Foste sem dúvida! - Confessei fechando a porta do WC.
Despi-me e tomei um duche rápido... sim porque o Kellan não para de me apressar para também ele tomar banho. Assim o fiz e quando estava despachado saí do WC dando lugar ao Kellan. Peguei no guião e comecei a decorar as falas do dia quando alguém me bateu à porta da suite... Fui abrir: Era a minha menina.
- Bom dia! - Saudou-me com um enorme sorriso ao que eu a puxei para dentro e a beijei impiedosamente.
- Bom dia! - Proferi por fim... - Como estão as coisas? - Procurei saber.
- Bem, comigo estão assim muiiiito bem... - Afirmou aninhando-se em mim. -... Já com a Sarocas é que não amor...
- Compreendo... O Kellan também não está nada bem... - Informei-a beijando-lhe o cabelo.
- Huum, que cheiroso... – Elogiou-me inspirando-me ao que eu gargalhei.
-Que animação vai por aí... -Ironizou Kellan entrando enrolado numa toalha...
-Bom dia para ti também -Disse sarcástica a minha Ângela
-Olha outra com o "BOM DIA"!! – Resmungou.
-Ei, vai-te vestir para a casa de banho não achas?! Temos aqui uma senhora Lutz!! - Alertei ao ver que ele se preparava para tirar a toalha...
-Quem está mal que se mude! A “senhora” não gosta, que feche os olhos! -Gritou Kellan enquanto procurava uns boxers no armário...
-Anda amor, vamos embora... -Puxou-me Ângela vendo que o Kellan não estava para brincadeiras...
Peguei no guião e sai com ela da suite.
- Tenho fome... - Queixou-se.
- Que tipo de fome? - Interroguei-a atrevido ao que ela me olhou "escandalizada" e me deu uma palmada no peito.
- Robert! - Repreendeu-me. - De comida... de COMIDA!
Desatei a rir e respondi-lhe:
- Então vamos lá alimentá-la minha senhora!
Ela riu também e da suite dela saiu a Sarocas e a Alice com o bebé Daniel.
- Bom dia! - Cumprimentou-nos Alice.
- Bom dia... - Cumprimentou-nos abatida a Sara.
- Tem calma cunhadinha, isso vai-se resolver... - Assegurou-lhe a Ângela.
- Sim cunhada, isso vai-se resolver... - Reconfortei-a também.
- Cunhada!? - Exclamaram a Ângela e a Sara espantadas.
-Oh, é de vos ouvir sempre a dizer isso... -Desculpei-me.
- Okay... - Concordou a Ângela a rir-se. - Tens fome cunhadinha?
-Fome? Comida? Humm não obrigada! Eu vou... dar uma volta...por aí... -Disse ela apontando desorientada para todo o lado...
-Mas... - Tentou convence-la a Ângela.
- Não! Não me apetece comer! - Afirmou decidida.
- Vamos para as gravações às 7h Sara... - Informei-a.
- Estarei à porta do Hotel. - Prometeu a Sara precipitando-se para a saída do Hotel.
- Alice acompanhas-nos? - Convidei a Alice ao que ela hesitou mas acabou por aceitar.
Dirigimo-nos então os 3 com o bebé para o refeitório do Hotel atulhado de gente.
-Não achas que foi má ideia deixarmos a Sara sair sozinha? Ela não conhece Vancouver... -Perguntou preocupada a minha miúda.
- Hum... deixa amor ela safa-se... - assegurei-a sentando-me na mesa do elenco para tomar o pequeno-almoço.
No mesmo instante vemos passar o Kellan apressado para a porta do Hotel...
- Hey meu!!!! -Chamei-o...
-Vou correr!!! -Gritou sem nos olhar trespassando a porta da entrada.
Faltava uma hora para as gravações começarem! Nós comíamos descansados. Ainda pairavam no ar as “cusquisses” sobre o sucedido na noite passada, porém ninguém se atrevia a falar nisso com o Jamie por perto. Este encontrava-se ressacado com uma garrafa de água na mão e com o guião que trazia com ele, tentando esconder a expressão embaraçosa que possuía...

P.V. Kellan [Especial & Traduzido]
 
Sentia falta da Kola e do Kevin (os meus cães). Correr sem eles não tinha piada nenhuma porém, tinha que apanhar algum ar fresco para ver se aclarava as ideias... Comecei então a ordenar tudo dentro da minha cabeça e cheguei á conclusão de que só havia um culpado no meio desta história toda: O JAMIE!!
Peguei no telemóvel e tentei ligar à Sarocas, porém o dela estava desligado! Decidi então ligar à Ângela para que lhe passasse o telemóvel, precisava urgentemente falar com ela!!
-Diz Lutz? -Atendeu
-Ângela fazes-me um favor? É mesmo importante!! -Pedi ainda a correr...
-Fala... -Disponibilizou-se.
-Passas aí a chamada à Sara sff? – Pedi-lhe.
-À Sara? Ela não está no hotel Kellan...
-O quê? Então? -Perguntei curioso e ao mesmo tempo preocupado.
-Ela saiu... Não sei bem para onde foi, só disse que estava com vontade de dar uma volta pela cidade... -Informou-me.
-E isso foi há quanto tempo? – Interroguei-a.
-Uns minutinhos antes de tu saíres... – Afirmou.
-Ah, é que ela tem o telemóvel desligado... – Comentei.
-Humm, pois, está estragado mesmo! Não me perguntes como foi isso... – Pediu-me suspirando.
-Hum, está bem então! Até logo, beijo. – Despedi-me.
-Beijo. O Rob esta aqui a di... –Desliguei.
Desacelerei a corrida e comecei a ficar realmente preocupado!! Onde estaria ela? Que estaria a fazer? Ainda por cima sozinha... Em Vancouver! Não me estava a agradar nada esta história!
Já estava a uns bons 1000 metros do Hotel quando avisto a minha Sarocas sentada no banco de um parque de piqueniques...
Aproximei-me dela e surpreendia por trás ao que ela deu um grito pulando inconscientemente.
-Hey, sou só eu... -Acalmei-a colocando as mãos no ar em sinal de "paz"
-Está tudo bem por aqui? -Perguntou um Agente policial ao ouvir o grito da Sara...
-Sim está tudo senhor agente... – Assegurei. - Eu é que apanhei a minha namorada desprevenida...
-Isso é verdade? -Perguntou o policia à Sarocas.
-Não, este senhor não é meu namorado! -Desmentiu ela.
-Então é ou não é? -Dirigiu-se o senhor a mim.
-É! -afirmei
-Não! -Desmentiu novamente ela
-Mau, mau!! Mas então em que ficamos? A senhora conhece este sujeito de algum lado? – Procurou-lhe o policia.
-Pensei que conhecia... mas afinal parece que não! – Afirmou como que desiludida.
-Vá lá amor... Não sejas assim... -Pedi ao ver que ela não ia dar o braço a torcer.
-Desculpa?! “Amor não sejas assim” ?! – Repetiu irónica
-Já vi que isto é uma briga entre namorados… Tenham um resto de um bom dia… -Concluiu o homem coçando a cabeça e virando-se para ir embora…
-Já lhe disse que não somos namorados!!! – Gritou a Sara incomodada.
-Acalme-se minha senhora! – Pediu o polícia dando meia volta – Vamos lá esclarecer as coisas que eu não tenho o dia todo… Vou-lhe perguntar novamente: Conhece este rapaz que afirma ser seu namorado?
-Não!! Quer dizer…Por acaso conheço… – Confessou por fim a Sarocas. Suspirei de alívio, porém ela finalizou a frase com: -… È aquele actor daquele filme… Ai como é que é mesmo? Ah Twilight… è isso !!
– “OH BOA!!” - Pensei.
         - Humm – Analisou o senhor agente. - Já percebi tudo… A senhora, que deve ser fã deste senhor, estava a gritar por tê-lo visto, não é assim?
-É isso mesmo, mas está tudo bem agora! Já estou habituado… – Despachei-o.
-Vá, menina, não incomode mais aqui o senhor…
-Lutz! – Informei
-Pois muito bem, não incomode aqui o senhor Lutz! – Pediu ele ao que a Sara o olhou estupefacta.
-Esteja descansado! – Assegurou-lhe. – Não incomodo mais o senhor Lutz! – E dito isto deu meia volta e começou a andar em passos largos pelo parque…
Fiquei a observa-la de longe, não sabia muito bem o que fazer. Até que caiu numa poça de lama, ficando toda encharcada! Vi-a olhar para trás discretamente, disfarcei uma gargalhada, ela olhou para mim, recompôs-se e começou novamente a andar... Fui então atrás dela em passo de corrida.

 

Terça-feira, 9 de Março de 2010

Capitulo 36 – (P.V. Kellan & P.V. Robert [Especial & Traduzido] + P.V. Sara & P.V. Ângela)

 

P.V. Sara
Voluntariamente, eu e a Ângela pegámos nas malas da nossa nova companheira do quarto, para que ela pudesse levar o seu bebé em segurança. Ela agradeceu com um sorriso e seguiu-nos até lá.
          -“Is this.” (É este.) -Anunciei ao chegarmos em frente à porta do quarto. Ângela e eu, ambas demos um passo em frente para abrir a porta... quando eu me desviei, dando-lhe espaço, tropecei na mala de viagem e desequilibrei-me... Agarrei imediatamente na dobradiça da porta! Entretanto, a Ângela abre-a e entala-me o dedo mindinho...
          -AAAH MEEEERDA ÂNGELA?!? Entalaste-me... -Gritei de dor segurando no meu frágil dedito.
          -Aii aii, desculpa cunhadinha! - Lamentava enquanto pousava a mala no chão e dirigia-se a mim preocupada.
          - Falam português!? - Perguntou-nos a Alice.
          - "Woooow woooow woooow!!! Pára tudo! A Alice!? Sotaque... Brasileiro!? No WAY!!!"
          - Sim, falamos... e tu também...- Afirmámos ainda que "abananadas" com a situação.
          - Que engraçado! Há tanto tempo que já não falava brasileiro! - Confessou-nos.
          -Mas... espera!!! Tu és brasileira?! Que giro... – Comentei levantando-me do chão e entrando para a suite com as minhas (e com o meu pequenino) companheiras/o de quarto.
          -Sim, sou de São Pao... -Informou-nos.
          - Nós somos de Lisboa... Portugal! - Explicou-lhe a Ângela pousando a mala na cama da Alice.
- Eu sei onde é Lisboa! - "Barrou-a" rindo.
- Como é que se chama o pequenino mesmo? -Perguntei tocando nas mãozinhas do bebé que ainda estava ao colo da Alice.
-È o Daniel... Tem 3 meses. - Respondeu-me dando-lhe um beijinho na testa.
-Será que posso pegar nele? – Perguntei expectante.
-Claro que sim... -Concordou afastando o bebe do seu peito. Estiquei os braços, e com muito cuidado peguei carinhosamente no Daniel.
-Ele é tão queriiiido, também posso, por favor? -Pediu Ângela toda derretida com a ideia
Alice deu uma gargalhada e assentiu com a cabeça. Depois de alguns segundos foi Ângela quem teve a oportunidade de segurar naquela maravilha de criança...
-Ah que sorte, no colo de duas meninas lindas, hem? -Dirigiu-se Alice ao seu bebé.
A Ângela devolveu-o à mamã e ele começou a chorar...
- Parece que alguém está com fomeca! - Dizia a Alice ao pequenino super babada.
Sentou-se no sofá e começou a dar-lhe de mamar. Eu e a Ângela sentíamo-nos a "mais", assim sendo deixámos um "ate já" no "ar" e saímos para fora do quarto.
Eu e a Ângela sentíamo-nos a "mais", assim sendo deixámos um "até já" no "ar" e dirigimo-nos para a porta...
-Hey, não precisam sair não! Não há problema nenhum... -Tranquilizou-nos...
-Mesmo? -Hesitamos...
-Claro, entrem de novo... -Insistiu descontraída.
 Nós assim fizemos e começámos (finalmente) a desfazer as nossas malas...
 
*

Por fim acabámos. O relógio marcava as 19.30h e às 20.00h tínhamos jantar marcado com todo o elenco. O bebé havia adormecido enquanto a Alice arrumava também as suas bagagens e do bebé e preparava tudinho para a estadia
. Comecei a pensar no problema que se atravessava a nossa frente: éramos 2 raparigas e só tínhamos meia hora para tomar banho numa casa de banho!! Foi então que decidi pegar no meu necessaire e no meu roupão e ir bater à porta da suite dos nossos rapazes.
Foi o Kellan a abrir-me a porta. Surpreso, agarrou-me e puxou-me para dentro, beijando-me como se já não me visse há séculos...
-“Hey, Kellan!!! Come play!!” (Hey, Kellan!!! Anda jogar!!) -Ordenou Rob, que se encontrava sentado no sofá a jogar PlayStation.
-“What you want babe?” (Que queres amor?) – Perguntou-me o meu sem me largar a cintura.
- “Can I take a shower here please? Angela is using our bathroom so...” (Posso tomar um duche aqui por favor? A Ângela está a usar a nossa casa de banho por isso...)
-“Sure honey! You want help?” (Claro amor! Queres ajuda?) -Perguntou atrevido junto do meu ouvido
-“Well... why not!? But... only take a shower! Nothing more Kell!” (Bem... Porque não!? Mas... só tomar duche! Nada mais Kell!) - Deixei-lhe bem claro.
-“Cool!!” (Fixe!!) – Festejou.
-“Pattinson? I go take a shower... We just have half an hour... hurry up!!” (Pattinson? Vou tomar um duche... Só temos meia hora...despacha-te.)
- "Okay... Okay!" - Concordou desligando a PlayStation e abrindo a sua mala. Foi então que eu e o Kellan entrámos para o duche para tomarmos o nosso normalíssimo duche.
 
P.V. Robert [Especial & Traduzido]
 
20 minutos para as 20h, 15 minutos para as 20h... 10 minutos para as 20h... Fui até ao quarto da minha menina. Já estava arranjado e perfumado, bati-lhe à porta.
Quem abriu foi a Alice e o Daniel.
-Olá! -Cumprimentei-a - Já estão prontas? -Perguntei entrando no quarto.
-QUASE AMOR!! -Gritou a Ângela da casa de banho com o barulho de fundo do secador de cabelo...
- Ei, Robert podes segurá-lo um pouco enquanto eu me vou calçar num instante?! - Pediu-me a Alice.
- Claro... - Concordei esticando os braços e segurando o pequenino e frágil bebé.
-Que jeitinho… - Zumbou Ângela entrando no quarto e beijando-me com cuidado por causa da criança.
- Goza goza... - Ironizei baixinho. - Já estás pronta?
-Já e tu? -Perguntou-me enquanto fazia festinhas nas perninhas do Daniel
-Também! - Informei-a sorrindo.
-Então vamos que já esta na hora... - Apressou-se Alice resgatando o seu bebé de volta - O Kellan e a Sara? Eles vão lá ter?
-Vão! Eles estiveram a tomar banho juntos por isso devem demorar... - Revelei inconscientemente. - Upsss...
-Ah não, não te preocupes... Eu sou um túmulo! -Tranquilizou-me a Alice.
-Amor sabias que a Alice fala português? – Perguntou a Ângela ajeitando-me a gola.
-Ah por acaso sabia que ela era de nacionalidade brasileira mas nem me lembrei... – Confessei.
- Que tolo, só te lembras do que não deves! - Provocou-me zumbando-me enquanto pegava na mochilinha do bebé da Alice.
Dirigimo-nos então para o Salão de Jantar do hotel. Encontrámos no caminho o Alex Meraz e o BooBoo que estavam acompanhados pela Tinsel Korey e pela Justine Washsberger...
Voltávamos agora ao ambiente das After-Party’s... O pessoal descontraído e em harmonia.
Por mais que me custasse tinha que apresentar a Ângela como uma "amiga", nenhum dos dois ficava contente com isto, mas tínhamos que fazer esse esforço: Sorrir, controlarmo-nos um ao lado do outro, fingir ficarmos escandalizados quando alguém nos perguntava se éramos um casal... enfim, aquilo estava complicado! 20:00h em ponto: todos sentados numa enorme fila de mesas esteticamente alinhadas esperando a comida ser servida; o Kellan, a Sara, o Jamie Campbell e o Michael Sheen aparecem no salão apressados... Sentaram-se à nossa frente; a comida foi servida e ingerida, acompanhada com longas conversas entre os colegas, risadas, recordações, mais risadas, mais conversa e algumas discordâncias... O jantar acabou e estávamos agora a planear a nossa noite...
-Discoteca? Eu não posso, tenho que ficar com o Daniel... -Lamentou a Alice
-Eu também não quero ir...Estou com uma enorme dor de cabeça, sinto-me cansada... Quero ficar por cá... -Informou-nos a minha Ângela.
- Óh cunhadinha... - Lamentou a Sara.
- Podemos contar contigo Robert? - Conferiu o Kellan, apesar de ele já saber a minha resposta.
- Hum... na verdade eu também não me sinto lá muito bem, eu fico por cá e posso ficar com o Daniel, Alice. - Propus.
Ela, depois de alguma insistência por parte de todos, e percebendo que eu queria ficar com a Ângela, lá cedeu em deixar o seu filho comigo, um homem sério e responsável! (COF COF, ou pelo menos aparentava ser...).
Antes de saírem para a Discoteca, a Alice mostrou-me onde estavam as fraldas, os biberões, as gotinhas para pôr na chucha... enfim, orientou-me (vá okay, orientou-nos - a mim e à Ângela).
 
P.V. Sara
 
Entrámos em grupos de 6 nas limusinas que nos esperavam em frente ao hotel. Eu estava com o Kellan, Jamie, Michael e Alice! Era um grupo simpático de extrovertidos! Sentia-me confortável entre eles...
Eles começaram logo na limusina a bebericar e eu tentava "esquivar-me" ao álcool, para minha salvação (e para não parecer tão mal) a Alice também não bebeu... não porque não gostava, mas sim porque não bebia por estar a amamentar.
Finalmente chegámos. Os rapazes conseguiram beber uma garrafa inteira de champanhe enquanto eu e a Alice trocávamos olhares já a pensar naquilo que nos esperava à vinda...
Eu estava com receio que o Kellan (quando ébrio) se “desbroncasse” da nossa "secreta" relação, bem como da Ângela e do Robert... definitivamente ele não se podia embebedar!
Saímos da limusina e fomos rapidamente atingidos com um "mar" de flashes e com uma multidão de fãs loucas e histéricas à espera dos famosos com quem eu - a sortuda - tinha a sorte de conviver. Simpáticos como sempre, distribuíram autógrafos, sorrisos e ainda fotografias... Surpreendentemente eu fui novamente confrontada com a questão de ser ou não a Miss Lutz à qual o Kellan tentou sempre evitar responder.
Entrámos. Como sempre a discoteca estava a abarrotar de gente... O cast de Twilight estava lá todo junto, ou melhor, quase todo. Comecei então a dançar com a Alice, bastante descontraída, quando reparei no olhar fixo do Jamie...
-Ele não tem parado de olhar para você desde o hotel!! -Comentou Alice adivinhando os meus pensamentos...
-Hum, ele é simpático... -Mostrei desinteresse.
 Na verdade o Jamie era um rapaz pelo qual eu me poderia interessar, mas não! Eu agora era do Kellan... Não podia olhar para outros rapazes... (ou sim...).
Ele começou lentamente a avançar para mim... sempre a dançar. Por fim parou a trás de mim, dançando... Por minha vez abstraí ignorando-o e continuando a dançar com a Alice. Até que fui surpreendida com uma voz junto do meu ouvido:
-“You want a drink?” (Queres uma bebida?) -Perguntou o Jamie.
- Humm - Hesitei...- “Sure!” (Claro!) -Acabei por aceitar pensando que poderia ser benéfico para a minha relação com o Kellan: Despistar os "intrometidos".
E por falar em Kellan... Olhei para ele, encontrava-se junto ao bar com o Michael, Nikki e Christian Serratos. Não tirava os olhos de mim, um olhar carregado!
Aproximei-me lentamente do bar na companhia do Jamie que muito descaradamente encostou a sua mão na zona mais em baixo das minhas costas...
Vi o Kellan levantar-se... dirigiu-se a nós... puxou-me para ele...
-"What you think you are doing?!" (O que pensas que estás a fazer?!) - Perguntou o Kellan ao atrevidão do Jamie... OMK, eu sentia-me a corar...
-“Kellan, what are YOU doing?! Jamie and I we want a drink... you want one too? (Kellan, que estás TU a fazer? O Jamie e eu queremos uma bebida... Tu queres uma também?) - Tentei acalmá-lo disfarçando o que na realidade se estava a passar: "ataque de ciúmes do Kellan".
-“Yes man, just that! You speaking seems that she is your propriety!” (Sim meu, apenas isso! Tu a falares até parece que és dono dela!) – Queixou-se o Jamie.
Kellan parou para pensar e depois lá caiu em si.
-“Oh, right, yes I accept a beer.” (Ah claro, eu aceito uma cerveja) – Aceitou olhando-me nos olhos.
Eu desviei o olhar e pedi três cervejas! O Jamie revirou os olhos, não apreciando a companhia do Kellan, ainda assim tentou ignora-lo bombardeando-me de perguntas pessoais.
 
P.V. Ângela
 
Eu e o Rob éramos os únicos a ficar no hotel, e portanto eu fui para a sua suite. O Daniel dormia e nós olhávamos para ele... pequenino e frágil: Um amor! Agora ali, abraçada ao Robert, era impossível não sonhar com um Pattinsonzinho… Lindo e perfeito como o pai.
-“Honey, do you mind if I connect to the internet?” (amor, importas-te que eu aceda à internet?) – Perguntou-me baixinho
-“Of course not, and you mind if I follow you?” (Claro que não, e tu importas-te se eu te acompanhar?) – Perguntei-lhe no mesmo tom de voz.
-“I don’t mind at all.” (Eu não me importo nada.) – Afirmou sorrindo para mim e levantando-se da cama com cuidado. Levantei-me também e criei uma barreira de almofadas de ambos os limites da cama do Rob para que o bebé não caísse.
Este olhava-me… Sorri e beijei os seus doces lábios ao que ele me puxou para ele sentando-se em frente à secretária e colocando-me no seu colo. Tirou o portátil da mala e ligou-o… Tinha milhares de mensagens no correio electrónico. Suspirou e fechou a página, abrindo o Skype…
-“My sister is online, great!!” (A minha irmã está online, excelente!!) – Festejou abrindo uma janela de conversação com ela.
- Lizzy? – Perguntei curiosa…
-“Yes honey, is Lizzy.” (Sim querida, é a Lizzy.) – E dito isto, (sempre com um sorriso radioso) clicou no iconezinho da webcam… Arqueei a sobrancelha e preparava-me para “fugir” à Web, quando ele me impediu…
-“Where you think you going?” (Onde pensas que vais?) – Questionou-me prendendo-me ao seu colo.
-“Scape!!” (Fugir!!) – Alertei-o tentando soltar-me… Ele deu uma gargalhada e ouvi uma vozinha vinda das colunas…
Paralisei com a sonoridade da sua voz...
- CLAUDIA!!! - Chamou-o a irmã gargalhando.
-“Stop calling me that!” (Para de me chamares isso!) -Pediu Robert constrangido.
Mais uma vez a irmã riu-se e finalmente apareceu a imagem. A minha boca formou um "O" ao contemplar a sua beleza.
-“Sister, OMG I miss you!” (Irmã, OMD sinto a tua falta!) - Confessou carinhosamente o Robert à irmã. Sentia-me ali a mais...
-“I miss you too sweety! When you come back?” (Eu também sinto a tua falta querido! Quando é que voltas?) - Perguntou sem dar pela minha presença...
-“Hum, I don't know...” (Hum, eu não sei...) - Disse à irmã olhando para mim.
-“Wait!! I see you in one magazine...” (Espera!! Eu vi-te numa revista...) - Afirmou ela aproximando-se do ecrã para me ver melhor.
Corei e encolhi-me mais no colo dele.
- OMG! This is real!? (OMD! Isto é real!?) - Perguntava chocada a irmã dele.
-Yeah... -Confessou o Robert beijando-me a testa...
A irmã abafou um risinho histérico e gritou pela outra:
-VICTORIAAA!
Olhei para o Robert ao que ele me sorriu tentando "acalmar-me". Respirei fundo e uma outra rapariga apareceu no ecrã.
-"What Lizzy!? I was dreaming!" (O quê Lizzy?! Eu estava a sonhar!) - Queixou-se bocejando.
-LOOK!! The new girlfriend of our Claudia!! (OLHA! A nova namorada da nossa Claudia!!) -Disse energeticamente apontando para o ecrã
-Hi, I'm Ângela… - Acenei envergonhada mas radiante.
- … PATTINSON! - Exclamaram elas a rir, ao que eu mais uma vez corei e apertei a perna do Robert.
Este começou-se a rir também e proferiu:
-“You're terribles, sisters!” (Vocês são terríveis, irmãs!)
Comecei a “analisar” o espaço em que se encontravam com mais atenção pela web, e vi a mãe do Rob a espreitar.
- “MOOOOOOOOOOOM!!!” (MÃÃÃÃÃÃÃÃÃE!!!) -Gritou o Rob alto demais ao reparar nela também.
O Daniel acordou e desatou a chorar... Instantaneamente a sua mãe e irmãs “colaram-se” ao ecrã com cara de quem tinha visto um fantasma!
Corri para pegar-lhe e dar-lhe colinho para que parasse de chorar, voltando para junto de Robert com a criança...
- Shhhhhhiu... pronto bebé... - Tentava-o acalmar enquanto as irmãs dele e a mãe estavam prestes a ter um ataque.
Por fim, o Robert chegou-me a chucha dele bem como as gotinhas... pôs-lha na boca, e o Daniel parou com o “berranso”.
-“So...” (Então...) - Proferiu o Robert tentando acabar com o silêncio.
-“Robert Thomas Pattinson... you have something to tell us?” (...Tens algo para nos contar?) - Perguntou pausadamente e respirando entre as palavras a mãe do Robert.
-“Hum... yes, mother she's my girlfriend...” (Hum... sim, mãe ela é a minha namorada...) - Informou-a.
-“I am a grandmother and nobody tells me?!?!?” (Sou avó e ninguém me diz nada?!?!?) -Indignou-se.
-“What?!? NO MOM!!! We are just taking care of him...Is Alice son!!” (O Quê?!? NÃO MÃE!!! Só estamos a tomar conta dele...È o filho da Alice!!)
-“Who is Alice?!” (Quem é a Alice?!) - Perguntou a Victoria arqueando a sobrancelha.
-“Oh, Alice is a partner of Robert.” (Oh, a Alice é uma colega do Robert.) - Informei-a embalando o Daniel que me fitava.
A mãe suspirou de alívio, a Victoria despediu-se e foi-se deitar e a Lizzy continuava a falar connosco... Tudo corria bem até que um pivete invadiu o quarto...
-“Oh no...” - Queixei-me elevando o Daniel para verificar se o cheiro vinha dali... Confirmado! Era do Daniel...
-“What it's this smell?!” (Que cheiro é este!?) - Perguntava Robert torcendo o nariz.
-“Baby!” (Bebé!) - Informei-o passando o pequenino para o colo do Robert e começando a preparar as "ferramentas" para tratar daquele pequenino "problema".
-“You know how to change a diaper?” (Sabes mudar uma fralda?) -Perguntei-lhe preocupada. Eu não sabia!!
-“Hum, no, but you know. Right?” (Hum, não, mas tu sabes. Certo?)
-“Actually I don't!!” (Na verdade não!!) -Informei MESMO preocupada.
-“I know!!!” (Eu sei!!) -Gritou a mãe de Robert do outro lado do computador...
-“But you are so far! And the baby will start to cry!” (Mas tu estás longe! E o bebé vai começar a chorar!) - Começou o Robert a esganiçar em pânico enquanto se levantava e embalava o bebé aos saltinhos.
-“You see any other solution? Well, I don't! So do what I told you!!” (Tu vês outra solução? Bem, eu não! Portanto faz o que eu te digo!!) - Ordenou ela pedindo espaço à Lizzy para se sentar em frente ao computador.
 
P.V. Kellan [Especial & Traduzido]
 
Aquele marmelo não parava de andar em cima da minha babe! A minha vontade era acabar com tudo aquilo de uma vez e admitir ao mundo que ela era minha... Mas não podia. Pedi mais um copo... o elenco estava todo a vibrar com o sonoro que passava na Disco, já eu nem queria imaginar a maneira de o Pattinson e a Ângela "vibrarem"... com um bebé por perto! Havia de ser lindo, mal sabe a Alice onde se meteu... Comecei a observar o meu amor, e esquecendo o assunto dos Pattinson. Ela estava um espanto (como sempre) e o outro caramelo devia estar com um desejo imenso de ser esmagado... sim porque era isso que ia acontecer se ele continuasse com aquela atitude.
Passei o resto da noite a olhar para eles... A analisar cada movimento do Jamie junto da minha Sarocas... Nem ele a largava nem ela o afastava. Sentia-me a arder por dentro... Queria a sua companhia, queria que ela dançasse assim para mim. A única coisa que recebia eram os seus olhares discretos, que me deixavam ainda com mais vontade de ir lá e agarra-la só para mim! O Jamie quase que "babava" para cima dela, o que me estava a fazer muita confusão... Eu que nem sou de beber já ia no 9º cocktail e na 4º cerveja. Peguei no telemóvel e mandei uma sms à Sarocas:
"Não sabes o quanto me estou a divertir -.-' "
Em troca recebi um:
"Estou a ver que sim... Logo compenso :P"
"Estou de saída... vens? Ou a tua companhia está demasiado divertida para ir embora?" -Confrontei-a já farto de ali estar...
Foi então que vi a Paris Hilton sozinha a olhar para mim... Ocorreu-me a ideia mais estúpida de sempre e avancei para ela...
"Estás parvo ou que? Se quiseres vamos..." -respondeu-me.
Sorri para o telemóvel e guardei-o no bolso, ignorando-o.
-Olá! - Saudei a Paris.
-Olá senhor "Calvin Klein"... -Disse olhando-me de alto a baixo
Senti o meu telemóvel vibrar e tentei ignorar...
-O que fazes aqui sozinha?! -Perguntei-lhe tentando seduzi-la. Porém, ao olhar para aquelas purpurinas todas a única coisa que conseguia fazer era semicerrar os olhos...Ok, o álcool não ajudava!!
Voltei a sentir o telemóvel vibrar e decidi ir ver as mensagens que a Sara me enviara...
"Então!? Já me trocas-te foi?! Já não queres ir embora!?"
"A Paris Hilton?! Vá lá Kellan, consegues melhor..."
Provocou-me nesta última sms à qual lhe respondi:
" Conseguir até conseguia mas já tem par!"
A Paris falava enquanto eu escrevia as mensagens, não entendendo nada do que ela dizia... acenava apenas com a cabeça... Comecei então a dançar com ela tentando provocar a Sara ao máximo!
"O.o estás a referir-te a quem exactamente?"
Perguntou-me despercebida ao que lhe respondi frontalmente:
" Exactamente a ti!"
A Paris começou a esfregar-se em mim e pelo canto do olho vi a Sara a aproximar-se furiosa de nós com o Jamie atrás a agarrá-la pela cintura! Pararam a um metro e meio do nosso lugar e começaram a dançar...

 

P.S.: Novas fotos no "Álbum de Viagem" : http://pt.fotoalbum.eu/SarAngela

 

Quinta-feira, 4 de Março de 2010

Capitulo 35 - (P.V. Kellan & P.V. Robert [Especial & Traduzido] + P.V. Sara & P.V. Ângela)

 

P.V. Kellan [Especial & Traduzido]
 
        -Está-me a escapar alguma coisa? -Perguntou Rob sem perceber nada...
        -Pergunto o mesmo... -Disse por sua vez a Sarocas
        -Hey não sejas ciumento amor! Estava-me só a divertir com o meu cunhado! -Justificou-se a Ângela "engolindo" umas quantas gargalhadas. -Já acabei de comer! -Informou-nos como que orgulhosa.
          -Cunhado... Agrada-me! -Proferi eu "avaliando"a palavra cunhado. E mais uma vez a Ângela se "desmanchou" a rir estupidamente!
          -Eu quero ver se logo quando "estiveres" com o Rob também te ris assim! – Provoquei.
          -A culpa é tua! -Acusou-me. -Fazes-me rir...
          -Eu? Estou aqui tão sossegadinho -Defendi-me.
          -Sim, Kellan, tu realmente és um santinho! -Disse Sara irónica, enquanto punha uma garfada na boca
          -Eu acho que alguém vai ficar de castigo! -Proferi fitando a Sara e piscando-lhe o olho ao que ela encheu mais a boca.
Depois de um almoço cheio de ironias, piadinhas e bastante sarcasmo lá nos metemos no carro em caminho ao Set de Breaking Dawn...
          -Próxima paragem: Vancouver! -Anunciei preparando-me para beijar a minha babe, porem afastou-me e corrigiu-me:
          -Próxima paragem: Hotel da Sara e da Ângela!! Ah pois, não penses que vou para as gravações de Breaking Dawn com a tua roupa vestida! - Fez questão de salientar! -Além disso tenho um irmão a quem dar justificações!
          -O quê?! Irmão?! – Fui apanhado de surpresa.
          -Pois, com a confusão toda nem te cheguei a contar, sim o meu irmão chegou hoje a L.A. e está hospedado no nosso hotel… Porquê? Também não sei, segundo ele são mais umas férias mas a mim “cheira-me” que é mais para me controlar! -Informou-me.
          -Ok, então voltamos para o hotel... - Concordei, fazendo sinal a Rob -Que idade tem o teu irmão? -Perguntei curioso
          -Hum… a tua, 25! -Respondeu indiferente!
          -Quanto tempo demora a viagem de L.A. a Vancouver? -Perguntou a Ângela como que aflita.
          -A viagem demora umas horinhas, mas querida não te preocupes vais estar ocupada! -Garantiu-lhe Rob pousando a mão na perna dela e sorrindo maliciosamente.
          -Sim, e vamos em que meio de transporte? - Perguntou curiosa a minha babe encostada ao meu peito.
          -Hey, hey, que poucas vergonhas vêm a ser essas? Acalma as hormonas Pattinson! -Provoquei.
          -Bem podes falar! O perverso aqui és tu, não eu... -Acusou-me ao que eu lhe mostrei o dedo certo!
          -Kellan ignorando Sara... -Reclamou a Sarocas!
          -Que foi amor? Claro que não... -Perguntei sem perceber, beijando-lhe a testa.
          -Fiz-te uma pergunta a bocado! -Relembrou-me...
          -Ah babe, pois, não te posso responder a essa, é surpresa! -Disse tentando parecer misterioso
Ao que ela sorriu e recostou-se a mim.
 
*
 
Rapidamente chegámos ao Hotel delas... e para nosso espanto os paparazzis esperavam-nos logo à entrada do Hotel.
          - Vão lá então meninas... não se demorem... e corram! - Avisei-as, dando uma "tapinha" no rabiosque da minha Sara antes dela sair.
 
P.V. Sara
Seguindo as indicações do meu amor, entrámos a correr no hotel passado por todos aqueles paparazzis, e devido ao olhar para trás embatemos com a ...
          - Lady Gaga!? - Gritámos em uníssono.
          - Hey girls, how are you ? I'm sorry, we talk later, I'm really busy!! See ya! Hey, and don't forget my dresses, I need to give them to charity ! Bye.... (Hei miúdas, como estão? Desculpem, falamos mais tarde, estou mesmo ocupada agora!! Até mais ver! Hei e não se esqueçam dos meus vestidos, preciso de os entregar para a caridade! Adeus...) -Despachou-nos enfiando-se num carro e partindo em alta velocidade!
Ângela abriu a porta do nosso quarto e eu bati na do meu irmão para concluir que ela não estava!
          -Oh merda, vou ter que lhe deixar um bilhete! - Comentei com Ângela enquanto pegava na minha mala para despejar nela a roupa que se encontrava intocável no roupeiro.
          -E onde vais colocar o bilhete cunhadinha?
          -Hum, boa pergunta!!! Olha entrego ao perna longa que dizes? Ele não entende Português por isso...
          -Ah é isso tudo... -Concordou atirando-me com a minha escova de dentes para que a guardasse
Muito apressadamente peguei num bocado de papel higiénico e comecei a escrever muito informalmente um recado ao meu irmão:
Analisei uma última vez o quarto e afirmei com a cabeça. Ângela pegou na sua mala e no meu braço e arrastou-me para fora, fechando a porta. À saída do hotel entreguei o bilhete ao perna longa dando-lhe todas as indicações de como deveria entrega-lo e salientando que se abrisse a boca para contar ao meu irmão sobre a nossa companhia estava feito ao bife, deixando também bem claro para que jamais em circunstância alguma lhe entregasse uma revista para as mãos, fosse ela qual fosse…
Mais uma vez demos uma corridinha até ao carro, onde colocámos as malas no porta bagagens e entrámos cada uma no seu lugar.
 
P.V. Robert [Especial & Traduzido]
 
          - Foram rápidas hãn?! - Comentei enquanto fazia marcha atrás.
          -Desde que chegámos que tem sido sempre a correr! Já só me vejo na minha caminha a dormir um sono profundo... – Fantasiava a Ângela fechando os olhos...
          -E com o Rob em cima! -Palpitou de imediato o Kellan!
          -E tu com inveja! -Respondi-lhe
          -Pronto, já começam -Rezingou Sara
          -Inveja!? Hum Hum, e é já de ti! - Replicou Kellan batendo no meu banco.
          - Ei comportem-se vá lá! Kellan ele está a conduzir... por isso Rob olhos na estrada! - Avisou a Ângela virando-se para a frente um pouco irada.
         -Foi ele que começou!! -Alertei para que as culpas recaíssem sobre ele.
-Já nem se pode mandar um piadita? – Defendeu-se Kellan.
-Desde que não ofendas ninguém... – Respondi-lhe.
-Ah desculpa senhor "ofendido". – Provocou-me de novo.
-Hey  já chega!! – Interrompeu-nos Sara levantando a voz.
          -Cunhadinha, queres ouvir rádio? - Perguntou a minha menina à Sara.
          -Sempre é melhor que ouvir estes dois a desatinar! Liga sff... – Respondeu-lhe.
Ela assim o fez, ligou numa rádio de músicas da "década de ouro": num dos meus postos favoritos.
Fomos os 4 a apreciar a excelente música até chegarmos ao aeroporto. Era lá que íamos apanhar o Jacto privado para Vancouver. As miúdas ainda não sabiam deste "pequenino" pormenor, mas apostava que iam delirar...
          -O quê?!? Um Jacto... PRIVADO?! - Gritaram em uníssono já dentro do avião... "Sim, eu estava certo, elas deliraram"
Ocupámos o tempo da viagem a conversar, a conhece-las melhor (e às famílias delas) e também a aproveitar todo aquele tempinho para namorarmos um pouco...
O tempo passou rápido (demais), e quando dei por isso já estávamos à porta do Hotel, onde se encontravam também hospedados o resto dos meus colegas...
          - Hey mens!! - Cumprimentaram-nos todos.
- Então rapazes? Andam desaparecidos ãh? -Cumprimentaram-nos Jackson e Peter.
- É verdade meu!! Já tinha saudades disto! – Admiti apontando para o enorme hotel.
- Hum, com que então Miss Pattinson e Miss Lutz?! – Constatou o Peter.
As miúdas coraram, sem saberem o que dizer, mas logo apareceu Ashley para as “salvar”.
- Hey! Deixa as raparigas em paz Peter! – Repreendeu-lhe – Olá, eu sou a Ashley, muito prazer. – Apresentou-se simpática como só ela sabe ser.
As miúdas, por sua vez, também se apresentaram e Ashley fez imediatamente questão de as acompanhar à sua suite. As suites eram 3 triplas – 3 pessoas em cada, por sorte eu e Kellan tínhamos calhado apenas os dois numa, quanto à Sara e à Ângela, uma pequena surpresa as esperava…
 
P.V. Ângela
 
A Ashley é uma pessoa das quais é difícil não gostar, mostrou-se simpática e muito prestável em ajudar-nos!
-“This is it! Your room girls…I leave you alone now! See ya…” (Pronto! Este é o vosso quarto… Vou-vos deixar sozinhas agora! Até logo…) – Disse amigável, deixando-nos em frente a porta da nossa suite.
Ambas sorrimos uma para a outra… era fácil habituarmo-nos aquela vida!
-Abre cunhadinha, abre! – Pediu a Sara curiosa.
-Sim chefa! – Bati continência rindo e acedi ao seu pedido abrindo a porta.
-OMR! Só podem estar a gozar! – Proferi espantada com o que acabara de ver…
- “Hi! What are you doing here? Don’t you know that this is a restricted area?” (Olá, que estão a fazer aqui? Não sabem que esta é uma área restrica?) –Tratou de nos informar a Kristen, exactamente: a Kristen Stewart.
- “Hi, yes, actually we know, and seems that we go have to share our suite… Isn’t that Great?” – (Olá! Sim, por acaso sabemos e parece que vamos partilhar a nossa suite… Não é o máximo?) – Respondeu-lhe a Sarocas com um belo sorriso de ironia.
Ela fitou-nos e desatou aos berros:
- "WTF!? You're just kidding, right!?" (WTF?! Vocês estão só a brincar, certo!?)
-“Huumm... yee... NO!” (Hummm... sii... NÃO !) -Respondi tentando meter-me com ela.
-"How you're able to challenge me, girl?!" (Como é que és capaz de me desafiar, miúda?!) - Perguntou-me levantando-se da cama.
- Kristen azeda!! - Ri-me com a Sara ao meu comentário ao que ela nos olhou confusa.
- “This is MY room... And I don't share it!” (Este é o MEU quarto... E eu não o partilho!) -Reforçou de braços cruzados.
- “No, sorry! This room is from the HOTEL it's not yours... And don't worry, nobody want to share things with you!!”  (Não, desculpa! Este quarto pertence ao HOTEL não a ti... E não te preocupes, ninguém quer partilhar coisas contigo!!) -Respondeu a Sara nas calmas.
Ela ainda mais danada pegou na almofada da cama onde estava sentada e mandou-a para o chão soltando um urro e saiu porta fora.
- "Wooow, calm down girl!" (Wooow, calma rapariga!) - Proferiu uma voz feminina vinda do exterior, que a agarrou e a levou para dentro do quarto.
- Hi! -Cumprimentou-nos Dakota Fanning timidamente... – “What's happening?” (Que se passa?)
- "Ask her." (Pergunta-lhe a ela.) - Respondi secamente.
Ela olhou para a Kristen à espera de uma resposta... Esta encolheu os ombros.
- Kris?! -Insistiu Dakota...
- “I don't wanna share my room!!” (Não quero partilhar o meu quarto!!) – Queixou-se.
- “And with me? You can share?” (E comigo? Partilhas?) - Perguntou-lhe dando-lhe um encosto amigável...
-“You are alone?” (Estás sozinha?) -Entusiasmou-se Kristen
-“I'm with Julia...Jones...” (Estou com a Julia...Jones...) – Respondeu-lhe Dakota.
- “Great!” (Excelente!) -Festejou – “I'm moving...” (Estou de saída...) - Dirigiu-se a nós dando-nos brutamente o cartão de acesso ao quarto e voltou de novo a trás para pegar na mochila com as suas coisas e (finalmente) saiu, arrastando a Dakota com ela.
Eu e a Sarocas ficámos parvas a olhar uma para a outra...
-Ok, cunhadinha, que raio foi isto?
-Não me perguntes... Os famosos são mesmo assim... - Respondi pegando na mala pronta para a desfazer...
Foi então que ouvimos um barulhinho delicado, típico de bebé...
- Sarinha?! - Proferi olhando para ela. - Que barulho foi esse!?
- Ei, nem venhas, não fui eu!! - Defendeu-se.
O barulho voltou a soar, agora mais perto.
- Vem do corredor... - Observou a Sara ao que nós corremos em direcção à porta, espreitando…
No corredor encontrava-se a Alice Braga, com um minúsculo bebé ao colo e vários outros actores à sua volta a babar, incluindo os nossos rapazes...
-Pssiuu, Kell ?! -Chamou a Sara baixinho
-"What babe?" (O quê babe?) - Perguntou encostando-a a ele sem tirar os olhos do recém-nascido.
-Who is she? (Quem é ela?) – Interrogou-o a Sara.
-“She plays "Zafrina" in Breaking Dawn...” – Explicou-lhe.
-“Are you serious!?”
(Estás a falar a sério?!) – Surpreendeu-se a Sara.
-"Hum Hum..." - Meteu-se o Robert puxando-me para ele para que visse o bebé. - "He's beautiful, isn't!?" (Ele é lindo, não é?)
- "Yes, he is! So cute! Congratulations Alice!" (Sim, é! Tão querido! Parabéns Alice) - Saudei realmente babando aquele bonequinho.
-“Thank you!” (Obrigada!) -Agradeceu com um enorme e simpático sorriso.
-"You're welcome!" (Não tens de quê!) - Devolvi-lhe o sorriso.
-"Well, if you don't mind, I go to the reception to search one room for us." (Bem, se vocês não se importam, eu vou à recepção para procurar um quarto para nós.) - Pediu-nos olhando carinhosamente para o bebé.
-"Why?! They forget to book you a room ?!" (Porque?!Esqueceram-se de te reservar um quarto?!) -Perguntou alguem que não consegui perceber quem era...
-"No, they booked, what happened was that I have to bring my baby, and my "roommates" don't like noise... So..." (Não, eles reservaram, o que aconteceu foi que eu trouxe o meu bebé, e as minhas "companheiras de quarto" não gostam de barulho... Portanto...) -Explicou-nos.
-“Really?! Wouu... That sucks... But look!! Our "roommate" decided to move!! You can stay with us... if you want of course...” (A sério?! Wouu... Isso é mau... Mas olha, a nossa "companheira de quarto" decidiu mudar-se!! Podes ficar connosco... Se quiseres claro...) -Propus olhando para a Sara que fez sinal com a cabeça dando-me "permissão".
-"Of course you can!" (Claro que podes!) - Sorriu a Sara concordando comigo, ao que o Kellan a encostou mais a si e lhe segredou algo que a deixou coradinha.
 
P.V. Sara

Dei-lhe um encosto repreendendo-o... que malandreco!
-“You know that I'm on my period right?” (Sabes que estou com o período né?) -Sussurrei ao seu ouvido
-“Yes, I know... But come... please...” (Sim, eu sei... Mas vem... Por favor...) - Implorou com olhinhos de cachorrinho...
-"Okay okay, I go!" (Okay okay, eu vou!) - Prometi ao que ele sorriu e me beijou no cantinho dos lábios.
-"COF COF, so I stay with you!" (COF COF, então eu fico com vocês!) - Informou-nos Alice sorridente. - "And now, if you don't mind, I go to my bedroom." (E agora, se não se importam, eu vou para o meu quarto.)
-“I go with you... I need to unpack my baggage!” (Eu vou contigo... Preciso desfazer a mala!) -Disse Ângela soltando-se dos braços do Robert...
- “So I'm going with you...” (Então também vou convosco...) -Beijei o Kellan na bochecha e juntei-me a elas...

- About Us


- Ver Perfil

- Adicionar como Amigo

. 11 seguidores

- Find

- Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

- Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

- Posts Recentes

- Surpresa!

- Capitulo 39 – (P.V. Sara ...

- Capitulo 38 – [P.V. Ângel...

- Capitulo 37 - (P.V. Kella...

- Capitulo 36 – (P.V. Kella...

- Capitulo 35 - (P.V. Kella...

- Capitulo 34 – (P.V. Kella...

- Capitulo 33 - (P.V. Rober...

- Capitulo 32 – P.V. Kellan...

- Capitulo 31 - (P.V. Sara ...

- Arquivos

- Abril 2010

- Março 2010

- Fevereiro 2010

- Janeiro 2010

- Dezembro 2009

- Views

online